24 de julho de 2013

corpo versus mente

O corpo é sujeito da mente. O corpo fala, finge, sente. O corpo é maior que a mente.
O corpo cria, a mente distrai. O corpo emana sensações, a mente só atrai.
O corpo é escravo, a mente é patrão.
O corpo confunde desejo com razão. O corpo diz sim, a mente diz não.
O corpo apodrece. A mente, mesmo suja, permanece.
O corpo mente. E a mente mente o que o corpo sente.
O corpo fere, mas é a mente que cura. O corpo implora por loucura.
O corpo fica. A mente... ela vai embora. Flutua.

.