22 de abril de 2012

Happiness.

essa sou eu. :)
Quem proporciona a felicidade a não ser nós mesmos? Vivemos num mundo tão cruel, onde atos e palavras nos ferem, nos agridem e nos tornam infelizes. Acontecimentos que nos colocam para baixo, tiram a paz e a razão de viver e ser feliz, como se deve ser. Descobri que ser feliz só depende de mim, só de mim. Não vou esperar para ser feliz, não vou esperar para me fazerem feliz. Eu vou ser feliz, independente de tudo e de todos. Vou fazer a minha própria felicidade, vou ser feliz da minha maneira. Pois só assim serei feliz de verdade, só assim deixarei de me abalar pelas coisas que não me fazem bem. Dizem que a felicidade está do nosso lado, é só saber enxergar. Portanto, vou abrir meus olhos, vou abrir minha mente e meu coração, vou abrir portas e deixar que coisas boas entrem e quando entrarem, irei fechar e jogar as chaves fora, para que nada de ruim entre e para que a felicidade não saia de mim.

10 de abril de 2012

Hug.


É que nos seus braços que eu me sentia mais segura.
Me acalentava e me dava a certeza do amor.
Eu encostava meu ouvido em seu peito e ouvia os batimentos cardíacos.
Aqueles que batiam por mim.
Mas que hoje não mais.


Nenhum abraço será igual ao seu.

.

4 de abril de 2012

whywords.

Fui atrás delas. Faz tempo que não as encontro. Sumiram assim de mim e não se importaram em voltar. Não entendo o porquê, já que nos meus momentos solitários, eram elas que me faziam companhia, que me davam alegria. Fui atrás delas então. E procurei por todo canto. Embaixo da cama, em cima dos móveis, dentro da geladeira, no ar... Mas não as encontrei. Por onde andavam? Por que insistiam em me deixar só? Compreendi então que elas estavam me dando um tempo, tempo esse que achei longo demais. Mas isso eu não podia escolher. Elas também tinham as suas escolhas e nada que eu fizesse poderia mudar isso. Então, o que fazer? Ainda faço, que é esperar. Esperar que elas voltem para mim, que voltem com tudo, que voltem felizes e quando voltar, que se demorem a me deixar, pois eu sei que elas vão me deixar mais uma vez, mas sempre vão voltar.