24 de outubro de 2011

Necessidade de escrever.

A necessidade de escrever implica tantas coisas. O tempo, a imaginação, a criatividade, a mente aberta, o desejo pelas palavras, o sentido das palavras, os objetos à vista, a disposição para tal, os artefatos disponíveis para o ato, o querer e o poder escrever. Eu tenho muito essa necessidade de escrever. Penso constantemente no que escrever, como escrever e quando escrever. Mas eu me deparo com muitos obstáculos à minha frente. São tantos esses que me impedem de fazer o que eu gosto e que me faz bem... Esses obstáculos podem e devem ser vencidos. Isso depende totalmente de mim, é claro. Não falta em mim vontade, de jeito nenhum. Vontade sempre tenho. Quando vejo alguma cena a minha frente, já penso em como descrevê-la e em que história ela poderia se encaixar. Ou simplesmente quando um pensamento paira sobre a minha mente, já penso em como juntar as palavras para formar uma frase. Porém, para escrever, não é somente ter a vontade. É ter todas as coisas que citei lá em cima e mais um pouco. Eu posso dizer que tenho todas essas coisas 'em mão', mas não é sempre que elas aparecem juntas. Mesmo dependendo de mim, mesmo que eu possa vencer os obstáculos, algo irá surgir. Acho que primeiramente, eu tenho que estar bem comigo mesma, organizar as minhas ideias e produzir, mesmo que eu tenha obstáculos. Até porque escrevendo, eu posso vencê-los.




(se bem que não sei se organizei as ideias direito)

14 comentários:

  1. Só quem escreve, pra saber exatamente o que você está querendo dizer. Tem dias que qualquer coisa se torna um motivo pra escrever e depois de um segundo, você esquece ou já muda de ideia. Logo, um dia tem tanta coisa acumulada, que não sai nada. Até que chega um dia, que a inspiração vai mais além, as coisas ultrapassam palavras e assim conseguimos nos expressar do jeito em que gostaríamos inicialmente.
    É, bem confuso mesmo. Mas estamos aí, sempre vencendo os obstáculos e a nós mesmos! ;)

    ResponderExcluir
  2. Até porque escrever por si só já é uma maravilha. E como a Nathalia disse, só a gente entende e precisa entender sobre o estamos querendo dizer.

    Sol-risos :)

    *eu coloquei a barra de seguidores no blog, se puder seguir, agradeço!

    ResponderExcluir
  3. Sabes? Gostei do texto, diz muito em si!

    às vezes, quando escrevemos, desabafamos algo que não conseguimos desabafar com ninguém, a não ser com "um pedaço de papel"!

    **

    ResponderExcluir
  4. Começa duelando com o adversário mais forte porque vencê-lo vai te deixar mais confiante e, por consequência, mais forte.

    E escreve.

    Por favor, flor, escreve.

    O mundo precisa.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  5. kkkkk é meio estranho quando isso acontece.
    Queremos escrever e não temos ideia de como fazer algo que tanto gostamos e temos o hábito. Mas também é muito bom, sai naturalmente, embora as vezes a gente pense que não se expressou bem xD

    ResponderExcluir
  6. "De mim para mim" é como as "Coisas Minhas" que vivo me indagando o dia inteiro. As ferramentos eu possuo, mas o método vez ou outra brinca de se fazer obscuro. E mesmo assim, eu escrivo. Alivia a alma, descansa o espírito. É o que você deve fazer, se é que eu posso isto lhe dizer. Um beijo. Você é sempre bem-vinda entre as minhas palavras.

    ResponderExcluir
  7. eu não me dou muito bem com o teclado do celular. Repare não.

    ResponderExcluir
  8. Ah, fico tão irritada quando pre-ci-so escrever e simplesmente o negócio não flui... O pior é que a gente sabe que escrever resolve, mas às vezes a própria escrita não se resolve e complica mais a vida! =/
    Curti muito!

    ResponderExcluir
  9. Acima de tudo é preciso sentimento...
    Porque se você for uma caixa vazia, pode crer que nada terá pra tirar...
    Assisto filmes e vejo caras redatores de colunas amorosas pelos quais a mocinha se apaixona e ele alega dizer ser o conquistador barato que escreve mentiras...
    Mas nós conhecemos mentiras, elas não saão bem contadas... Assim como olhares imprimem sentimentos... Palavras descre vem olhares!

    @juhhouse

    Estamos criando uma página no face se puder curtir divulgar...
    http://migre.me/60BWb
    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Costumo dizer que escrever nunca é demais. Tenho aquela sensação de que liberto mil coisas dentro de mim, algumas que sei lidar e outras não. Me faz um bem e encaro como uma terapia que dá prazer. Amei o sei texto e mto obrigada pelo carinho e apoio no meu blog. Grandes beijos, volte sempre viu?! :D

    ResponderExcluir
  11. Em primeiro lugar, organizou sim - adorei.
    Em segundo, haha - PE e escorpião, que legal :D
    Também sou do mesmo estado e signo :p
    Talvez seja esso o motivo de me identificar com todos os seus textos.
    E é da mesma forma que penso, tantas ideias, sonhos, planos - escrevendo passa a ser um desabafo/lembrança/felicidade.
    Mais uma linda memória transformada em palavras - paarabéns!

    ResponderExcluir
  12. escrever é bom demais! é como tirar um peso de dentro de nós

    ResponderExcluir
  13. eu sei bem como é isso tudo, me sinto exatamente assim...
    é realmente uma necessidade
    bjos, te sigo!

    ResponderExcluir
  14. Adorei teu blog, e esse texto diz tudo, para mim é uma tortura quando começo a escrever alguma coisa.
    Mas to tentando kkkkk

    add e seguindo

    bju bju

    ResponderExcluir

Me incentive um pouco mais.